Blogroll

21 de mai de 2008

O Retorno do Indy


Quase 20 anos depois, Indiana Jones vai viver outra aventura. Apesar da longa espera, milhares de fãs do mundo todo estão ansiosos para ver na telona um dos maiores heróis do cinema. E quem estava com saudade pode preparar o coração. A estréia mundial do longa acontece, oficialmente, no dia 22 de maio, em seu melhor estilo: jaqueta envelhecida, chapéu e, claro, o chicote.

“Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” se passa agora nos anos 50. Apesar da mudança de cenário e tom, muitas coisas, sem dúvida continuam iguais. “Todas as tradições de Indiana Jones estão iguais” afirmou Spielberg. Desde o famoso mapa sendo marcado com a linha vermelha que aparece quando Indy se desloca para o outro lado do mundo.

A nova aventura começa no deserto em 1957 - o auge da Guerra Fria. Indy e seu ajudante Mac escaparam por pouco de um encontro com nefastos agentes soviéticos em um campo de pouso remoto.

Agora, o Professor Jones voltou à sua casa na Universidade Marshall – apenas para descobrir que as coisas foram de mal a pior. Seu amigo e reitor da escola explica que as ações recentes de Indy o tornaram alvo de suspeita e que o governo está pressionando a universidade para que o demita.

Ao deixar a cidade, Indiana conhece o rebelde jovem Mutt, que tem enorme desprezo pelo arqueólogo, mas também uma proposta: Se ele ajudar Mutt em uma missão com razões extremamente pessoais, Indy pode deparar-se com um dos maiores achados arqueológicos de todos os tempos: A Caveira de Cristal de Akator, um lendário objeto de fascinação, superstição e medo.

Mas conforme Indy e Mutt partem para os cantos mais remotos do Peru - terra de tumbas ancestrais, exploradores esquecidos e uma suposta cidade de ouro - eles rapidamente percebem que não estão sozinhos em sua jornada. Agentes soviéticos também estão em busca do artefato, entre eles a fria e devastadoramente bela Irina Spalko, cujo esquadrão de elite está cruzando o globo atrás da Caveira de Cristal, que eles acreditam que ajudará o império soviético a dominar o mundo.

Indy e Mutt precisam encontrar uma maneira de enganar os soviéticos, seguir a impenetrável trilha de mistério, enfrentar inimigos e amigos de moral questionável e, acima de tudo, impedir que a poderosa Caveira de Cristal, caia nas mãos erradas.

A maior felicidade é para os fãs, – tanto antigos quanto novos – que recebem esse presente magnífico. Vamos esperar para rever e lembrar dos velhos tempos...


Relembrando os velhos tempos...

Photobucket

Em busca de uma arca desaparecida que concede poderes fantásticos, o arqueólogo Indiana Jones cruza desertos e enfrenta agentes nazistas que atravessam seu caminho. Dirigido por Steven Spielberg. Vencedor de 5 Oscars.

Photobucket

O arqueólogo Indiana Jones tenta libertar agora uma aldeia de um culto que faz sacrifícios humanos e escraviza crianças. Dirigido por Steven Spielberg. Vencedor do Oscar de melhores efeitos especiais.

Photobucket

Indiana Jones agora parte – com a ajuda de seu pai Dr. Henry Jones – em busca do lendário Santo Graal e mais uma vez encontra pelo caminho o exército nazista, em busca da mesma relíquia. Dirigido por Steven Spielberg. Vencedor do Oscar de melhores efeitos sonoros.


5 comentários:

  1. Nossa é fato que o cara tá em plena forma, arriscaria até dizer que bem melhor agora na marca dos 60. Mas não gosto muito do estilo do filme não!!!

    ResponderExcluir
  2. Nao gosto muito de Indiana Jones, hj em dia tem filmes bem mais interessantes, mas gostei muito desse blog, e da postagem. O blog ta lindo.

    ResponderExcluir
  3. Eu vi todos esses Indiana Jones e não vou perder o próximo. Eu vi a entrevista que o Harrison Ford deu para o Fantástico, o cara está super em forma. Esse filme promete.


    http://maynabuco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. valei a indicação, mas essa categoria de filme não me agrada!

    ResponderExcluir
  5. É simples: o quarto filme é um "Indiana Jones" perfeito, sem quebras em relação aos anteriores. Mas o que mais me impressionou foi a capacidade que o filme tem de provocar pequenas gargalhadas na platéia, já tão crescida e no entanto tão adolescente diante da telona... Deixou saudades da minha vidinha de ver sessão da tarde todo dia.

    ResponderExcluir

Dê sugestões, idéias, fale sobre a postagem, critique. 1ª visita? Deixe seu nome, cidade e idade! Evite comentários anônimos, ofensivos ou spam. Se for sobre o filme, evite spoiler para que nenhum outro leitor veja acidentalmente. Assim que ler, responderei e publicarei aqui. Volte para ver a resposta. Obrigado pela Visita!